E-commerce é uma boa opção nessa época de pandemia?

E-commerce, uma breve análise nesse tempo de pandemia.

Tudo está mudando, ou como muitos estão dizendo, estamos vivendo o “novo normal” e algo que com certeza foi impactado por essa pandemia foi a forma como consumimos e comercializamos serviços e produtos.

Alguns setores conseguiram se adaptar rapidamente a essa nova realidade, enquanto outros não tiveram a mesma chance.

Estima-se que pelo menos 600 mil empresas foram fechadas e 9 milhões de funcionários foram demitidos, segundo informações do Sebrae e da CNN.

Mas outro fato muito interessante e que analisaremos nessa breve abordagem sobre e-commerce é a quantidade de lojas on-line que foram criadas. Segundo dados da RD Station, empresa especializada em estratégias e marketing digital, em menos de 5 meses, mais de 100 mil sites destinados a compras on-line foram desenvolvidos para diversos segmentos.

Isso, com certeza, leva diversas agências de marketing digital a terem uma ótima estimativa para o futuro, o que não é diferente aqui na Ctrlz Criativo, mas nossa missão não é apenas entregar serviços e sim entregar soluções que realmente levem sua empresa ao sucesso e isso inevitavelmente nos leva a seguinte pergunta para esse período de crise:

Minha empresa realmente precisa entrar no e-commerce nesse momento?

A primeira resposta imediata a essa pergunta, com certeza seria, “Claro!”. Afinal, qual empresa não quer aumentar sua rentabilidade, lucrando muito mais do que quando tinha apenas a loja física?

Sim, isso é um fato, mas o que precisamos analisar aqui é o atual estado da sua empresa, pois para que o e-commerce possa ser realizado de uma forma que realmente dê lucro, é necessário uma análise criteriosa de uma série de fatores.

Pensando em uma estratégia a médio-longo prazo ou estou desesperado?

O erro de entrar no e-commerce é achar que essa é a solução para todos os problemas financeiro da sua empresa da noite para o dia, o que, com certeza, não é.

Se você quer uma loja on-line com esse fim, podemos afirmar que você não deve fazer isso, pois, ao invés de crescer, o seu desespero pode levar a sua falência.

Pense em todos os custo que você terá para criar sua loja on-line:

  • – Compra de um domínio;
  • – Compra de uma hospedagem;
  • – Criação de um site profissional adaptado para mobile e com ótimo SEO;
  • – Custos com campanha no Google Ads,
  • – Custo com campanhas no Facebook e Instagram Ads.
  • – Custo com criativos, dentre outros.

Nosso papel aqui não é te desanimar, na verdade queremos de incentivar a criar sua loja on-line, mas da forma correta.

Quando devo iniciar meu e-commerce?

Hoje mesmo!

O primeiro passo para entrar no universo on-line é o bom e velho planejamento.

Como dissemos anteriormente, essa deve ser uma estratégias a médio-longo prazo em sua empresa. Um bom marketing digital requer estudos e análises em todos os parâmetros, tanto interno (financeiro, quantidade da minha equipe comercial, quantidade de produtos em estoque), quanto externo (concorrência, riscos e prospecção do futuro nesse mercado).

Entenda, que o marketing digital com certeza trará lucro ao seu negócio, se empregado da maneira correta.

Sua empresa precisará contratar uma agência especializada que cuidará da análise profunda e direcionará cada investimento, para que, assim, sejam realizados de forma assertiva e isso não é feito de forma aleatória.

O e-commerce não deve ser visto como uma ferramenta que você deposita dinheiro e do nada “tudo acontece”. Não existe achismo e nem aposta em algo não concreto.

O Marketing Digital abortará todas as oportunidade e apontará qual o caminho a ser seguido, isso tudo baseado em números e dados efetivos.

Pense no e-commerce como um novo setor da sua empresa, onde você terá que investir de forma contínua.

Algorítimo das redes sociais favorece mídias patrocinadas

As redes sociais como Faceboook, Instagram e LinkedIn estão entregando cada vez menos informações de forma gratuita, já o famoso “patrocinado” está impactando milhões perfis diariamente, fazendo com que as empresas que desejam atuar nessas ferramentas sejam impulsionadas a investir em seus anúncios.

Não ache que você vai fazer uma postagem do seu produto no instagram e isso automaticamente vai aparecer para o seu público. Até você ganhar autoridade dentro da ferramenta muito trabalho deve ser feito.

Posts inteligentes, interação com o público, criação de e-books, impacto ads, criação de campanhas.

Todo esse universo é necessário para que você comece a ganhar espaço nesse imenso oceano web.

Conclusão

Não entre no e-commerce se você está desesperado por uma fórmula mágica que livre sua empresa da falência, mas é notório que essa pandemia ativou um alerta.

Você precisa estar na internet ou você desaparecerá em breve, mas faça isso da forma correta, ou você realmente pode acabar se perdendo nesse processo.

Trace uma estratégia, veja o marketing digital como uma necessidade em sua empresa e não como uma receita secreta que te levará ao sucesso do nada.

Com certeza, seguindo esses passos, você estará garantindo o futuro do seu negócio.

Deseja saber um pouco mais sobre se é ou não um bom momento para sua empresa migrar para o e-commerce? Entre em contato conosco e faremos uma análise exclusiva de forma totalmente gratuita.

Please follow and like us: